A Fórmula do Impacto nas Mídias Sociais

Tempo de leitura: 6 minutos

Eu tenho que assumir. Sou viciado em livros. Recentemente, estudando sobre Mídias Sociais, resolvi ler o livro do Chris Brogan e me surpreendi. Ele já tem um discurso bem diferente do padrão em seu blog, mas o seu livro realmente é inspirador. O livro é o Impact Equation ou Fórmula do Impacto (se é que dá para traduzir assim).

O livro começa falando sobre a transformação da comunicação na era digital, sobre como os canais agora falam com as pessoas, mas também faz questão de deixar muito claro que o livro é sobre muito mais do que o simples uso das “ferramentas” (no caso as mídias sociais), e sim sobre impacto. O livro de fato é sobre como construir grandes idéias e espalhá-las através de plataformas (é assim que Chris Brogan cita as mídias sociais em seu livro), para que possam ser discutidas e assim passem a ser importantes para as pessoas. O elemento humano é citado em todas as partes do livro como algo indispensável para que a Fórmula do Impacto funcione.

Farei uma série de posts sobre o livro Impact Equation porque acho que vale a pena! É uma abordagem diferente da convencional, direcionada para as idéias. Se você gerencia mídias sociais, você vai adorar o conteúdo. Garanto que vai transformar a forma como você “atualiza” os perfis que você gerencia ou até mesmo os seus perfis (da sua própria empresa ou perfil pessoal de negócios). Outra dica para acompanhar essa série de posts e não perder nenhum é se inscrever na minha lista de emails ao final deste post ou na barra lateral do blog.

Chega de blá, blá, blá… vem comigo!

Redes Sociais Constituem Ambientes Temporários! Construa Idéias!

Quantas vezes você já viu por aí os gurus de determinadas plataformas? Aquela pessoa que sabe um “segredinho” no Facebook que faz os posts serem exibidos mais vezes, ou aquele cara que é muito bom no Google Adwords? Ou pessoas que ficam preocupadas com a maneira, a métrica, e acaba assim esquecendo a mensagem principal. Com tantas distrações é fácil esquecer e deixar de focar no principal que é o conteúdo, a marca, a pessoa que vai consumir aquilo e por aí vai. Construa idéias ao redor de uma marca e esqueça a plataforma! A plataforma é uma ferramenta que será apenas um veículo para levar a mensagem ao seu cliente em potencial ou usuário. Essa mensagem é forte, mas necessária para continuarmos! Nosso foco será 100% nas pessoas!

Você é como um pé de Alface ou uma Macieira?

O livro começa com uma comparação muito inteligente que nos leva a pensar em nossos objetivos logo de cara. Existem dois tipos de pessoas nesse mundo. Ou você é um pé de alface ou uma macieira. Para plantar alface é simples. Você joga as sementes, rega sem muito cuidado e no máximo em 3 meses terá alface para fazer uma salada. A alface não é resistente, e por isso, em um inverno mais rigoroso, dificilmente terá alguma alface para o frio. Se encontrar alguma, fará no máximo sua salada (de novo) ou poderá colocá-la num sanduíche. Já uma macieira leva 6 anos para começar a dar frutos. Você vai ter que cuidar de uma árvore por 6 longos anos todos os dias, para que só depois disso ela possa te dar algumas maçãs. A parte boa da história é que esses 6 anos de cuidado valerão por 100 anos de maçãs, não importa o tempo, não importa a estação do ano. E com maçãs você pode fazer suco, chá, torta e outras várias combinações de receitas.

Temos que entender que criar e suportar idéias é uma jornada de médio/longo prazo. Não é do dia para a noite! Você não dorme com 10 seguidores e acorda com 50 mil pedidos em sua loja virtual (pode acontecer, mas…).

A Fórmula do Impacto

E vamos a fórmula (a parte legal da coisa)! É claro que está em inglês, mas vou tentar traduzir da melhor forma possível e adaptar para a nossa realidade (e minha interpretação).

Impact = C x (R + E + A + T + E)

Traduzindo: Impacto é igual a Contraste multiplicado pela soma de Alcance, Exposição, Capacidade de Articular (essa foi difícil de traduzir), Confiança e Eco. A fórmula do impacto forma a palavra CREATE, que em inglês significa CRIAR.

Contraste

Quando uma idéia chega até alguém, isso tem que ser familiar, ou, quem recebeu aquela idéia já tem que ter tido algum tipo de experiência com aquilo. Sua mensagem tem que ser familiar e diferente o suficiente para ser notada. Se todos os anúncios fossem idênticos, nenhum seria notado, concorda? Podemos chamar contraste de diferenciação ou posicionamento. Prometo que falarei mais sobre o contraste em outro post.

Alcance

Mais simples de entender. Quanto mais pessoas conseguir se conectar, maior a possibilidade de sua idéia se tornar influente. Da forma mais simples, o Alcance é o tamanho da sua lista de assinantes RSS, número de seguidores ou o número de pessoas com quem você consegue se conectar de qualquer forma. Quanto maior esse número, melhor.

Exposição

Se o Alcance é com quantas pessoas você consegue se conectar, a Exposição é a frequência com que você consegue se conectar com essas pessoas. Mensagens de SPAM tentam nos alcançar todos os dias, certo? Por algum motivo, temos a tendência de achar que é melhor falar com as pessoas com uma frequência maior. Entretanto é necessário entender a Exposição para saber quando você de fato pode chegar a uma pessoa da melhor forma possível, com a melhor mensagem possível.

Capacidade de Articular

Tive dificuldade de traduzir, mas tenho certeza que a explicação deixará o conceito mais claro. Algumas idéias estão em todos os lugares. Ser Articulado (ou ter alta capacidade de Articulação – se é que isso existe assim, dessa forma) é ser entendido instantâneamente. É apresentar idéias de forma simples, tornando-as simples (caso já não sejam) ou apresentar algo que já é amplamente divulgado com uma perspectiva nova.

Confiança

A Confiança é um tema muito estudado. Tema de diversos livros. Na realidade não é um conceito que está claro em nossas mentes. Claramente é um fator de Impacto, mas porque confiamos em alguém? A resposta “eu senti que deveria confiar”, ainda não é aceitável. Falarei muito mais sobre confiança aqui.

Eco

Criar o Eco é a sensação de conexão que você consegue passar para seu leitor, visitante ou participante. Ele vai querer espalhar aquilo que faz sentido para ele! E isso é que produz o efeito de multiplicação de todo o seu trabalho. O Eco é importante, mas na fórmula ele apenas soma e não multiplica! Falaremos muito mais sobre isso.

Fiquem ligados nos próximos posts. Tem muita coisa boa vindo por aí.

4 Comentários


  1. Muito bom o texto, Diegão. Estou na expectativa pela série de posts, já vou colocar seu blog no Pulse para acompanhar em tempo real suas postagens. Um grande abraço irmão e sucesso.

    Responder


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *